Pular para o conteúdo principal

O cristão pode ser um 'modelo' da moda?


Antes de tudo, esta breve reflexão não tem por intento atacar qualquer pessoa em específica, embora seja motivada por uma situação real. Faço esta ressalva, de modo que ninguém credite intensão alheia ao que me propus. O objetivo é somente um: verificar, se de acordo com 1Co 10.31 - "Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus" -, é possível ser um modelo para a glória de Deus.

É preciso notar um ponto sumário: "Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá?" (Jr 17.9). Terríveis coisas maquinamos em nosso coração, de maneira que precisamos ser cuidadosos em nossos apontamentos, a fim de não extravasarmos o ideal bíblico e inferirmos erroneamente sobre o próximo.

Para se entender sobre a licitude ou não de um cristão ser participante no mundo da moda, figurando como "modelo", algumas proposições precisam ser lançadas. Não são afirmações, somente perguntas, para que o leitor, por si mesmo e mediante as Escrituras, chegue à correta conclusão. São elas:

1. A Bíblia nos diz: "A candeia do corpo é o olho. Sendo, pois, o teu olho simples, também todo o teu corpo será luminoso; mas, se for mau, também o teu corpo será tenebroso" (Lc 11.34). Diante disso, precisamos nos perguntar: qual a motivação para alguém desejar ser "modelo"? Seria, porventura, o desejo de ser olhado, cobiçado e quase que venerado por sua forma ou peculiaridade física? Nos homens, ser visto por causa de algum traço marcante e na mulher devido às formas corporais? Seria lícito levar inúmeras pessoas a serem tentadas?

2. Está escrito: "Enganosa é a beleza e vã a formosura, mas a mulher que teme ao SENHOR, essa sim será louvada" (Pv 31.30). Quais são as intenções do coração de um aspirante ou já "modelo"? Acaso seria fixar-se na enganosa beleza e vã formosura, as quais passam apressadamente? Acaso os pressupostos da "moda" não são a exaltação do corpo, em detrimento do coração?

3. "O solteiro cuida das coisas do Senhor, em como há de agradar ao Senhor; Mas o que é casado cuida das coisas do mundo, em como há de agradar à mulher. Há diferença entre a mulher casada e a virgem. A solteira cuida das coisas do Senhor para ser santa, tanto no corpo como no espírito; porém, a casada cuida das coisas do mundo, em como há de agradar ao marido" (1Co 7.32-24 - grifos acrescentados). A Palavra de Deus prescreve que tanto homem como a mulher, sendo solteiros ou casados, possuem pontos importantes a serem praticados e tudo diz respeito ao Senhor. Todavia, Deus preceitua (enfatizando o lado feminino, mas não descartando o masculino) que a mulher deve ser "santa, tanto no corpo como no espírito". Poderia, então, alguém figurar de "modelo" sem violar o aspecto bíblico de que o corpo pertence somente ao Senhor e ao cônjuge? Como seria possível vestir-se adequadamente segundo os padrões bíblicos? (Acerca das vestimentas, clique aqui para ler um estudo sobre a modéstia cristã no vestir.)

4. "Não cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo" (Êx 20.17). Toda afirmação contém, em si mesma, a negativa daquilo que afirma, isto é, ao se afirmar alguma coisa, tudo o que é contrário é implicitamente proibido. Seria plausível alguém ser modelo e não ser alvo de cobiça? Bem é verdade que não se cobiça apenas os/as "modelos", mas esta profissão não inclui uma exacerbação deste pecado? O que é levado em conta nesta profissão: a estética ou a lealdade ao Senhor e um espírito santo?

5. "Não dirás falso testemunho contra o teu próximo" (Êx 20.16). Este puro mandamento do Senhor não inclui somente a mentira objetiva, e sim proíbe toda sorte de maledicências que visem ludibriar o alheio, levando outrem a ser persuadido de algo que não é verdadeiro. Quantas pessoas conhecemos que são atraídas à luxúria e glamour devido às propagandas? Quantos são levados à falsa sensação de que são "feios", "gordos", "magros" ou qualquer outro adjetivo por causa da indústria da moda? Quantas mulheres se sentem "deprimidas" porque não possuem o corpo idealizado pelos preponentes da moda?

Diante disso, caro leitor, algumas respostas podem ser dadas e você mesmo pode aferir quais são. 

Desta forma, compreendemos não ser pecado tirar fotos (todos nós tiramos, não é mesmo?) ou vestir uma roupa para que alguém veja se ela está no tamanho correto (alguém do mesmo sexo ou o cônjuge). Até mesmo não é pecado tirar fotos para algum catálogo com roupas modestas e de acordo com os princípios da Escritura (leia o estudo acima elencado). A questão que estamos tratando é da não licitude de se desfilar (salvo se você puder fornecer justa e adequada razão sobre como isso glorifica a Deus - me escreva, por favor, pois posso estar errado), vestir roupas que marquem o corpo e, literalmente, se fantasiar para agradar os olhos da carne.

Talvez alguém exclame: "Mas, se a 'moda' acabar e os/as 'modelos' cessarem suas carreiras, a economia entrará em colapso e muitas pessoas estarão desempregadas!". Responderei triplamente: a uma, que não é verdade que a economia entrará em declínio; a duas, que a moda é passageira e podemos fazer algo melhor que este mercado pervertido; a três, que é falaciosa a ideia de que ficarão sem emprego, pois existem muitas outras frentes de trabalho.

Possamos, segundo a graça de Deus, prosseguir no ideal bíblico, sem, contudo, esmagar a cana quebrada e apagar o pavio que fumega (Mt 12.20 - donde aprendemos a ser gentis e buscar a restauração, em vez da destruição): "Mais importa obedecer a Deus do que aos homens" (At 5.29).

Que Deus nos abençoe e leve Seu povo a uma vida cada vez mais santa.

Comentários

  1. Eu queria ser modelo mais eu sempre imaginei que isso desagradaria a DEUS por conta de tudo isso que você falou, então pedi para ele remover essa vontade do meu coração.

    ResponderExcluir
  2. E quando a mulher tem um corpos cheia de curvas
    Sendo que quando vai a loja as roupas acabam apertando as ancas e ficam largas na Sintra. Tem acontecido comigo
    Muitas roupas apertam na anca
    Como faço?

    ResponderExcluir
  3. E quando a mulher tem um corpos cheia de curvas
    Sendo que quando vai a loja as roupas acabam apertando as ancas e ficam largas na Sintra. Tem acontecido comigo
    Muitas roupas apertam na anca
    Como faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é o seu corpo né, acho que não tem como mudar, se não, Deus não teria lhe feito assim ( minha opinião)

      Excluir
  4. Idiotice. Sou cristã e ainda tenho o sonho de ser modelo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Letícia, como vc acha que irá se sentir (como cristã) ao estar numa salinha cheia de gente, vendo vc nua quando for fazer as trocas das roupas? Para vc, COMO CRISTÃ, é natural mostrar seus seios para o público (sim, pq vc pode precisar fazer isso um dia). E com relação aos cultos(?)... Se seu trabalho como modelo não mais te permitirem,por falta de tempo, ter sua comunhão com Cristo? Isso tb é normal? Olha, acho que vc chamar esse texto de "idiotice", foi a maneira mais fácil que vc encontrou para sufocar a sua frustração em se deparar com uma verdade que vc negligencia. Eu sou mt "fã de moda" e estava procurando leituras que me ajudassem a refletir sobre. Não achei nenhum que falasse o contrário do que estamos lendo aqui. Mas, já que vc expôs sua opinião, faz um texto contra-argumentando e envia para o autor. Ele deu total abertura para isso! Boa sorte!

      Excluir
    2. Vc não tem que ser modelo e sim, seguir O Modelo (Jesus Cristo).

      Excluir
  5. Nossa meninas vocês que não entenderam
    Você pode ser um modelo sim!!
    Desde que sua intenção não seja pra ser desejada ou cobiça
    Minha intenção de ser modelo é só pra coisa evangélica só pra ter uma grana extra pois não trabalho só meu esposo
    Tenho sim tb vontade de ser modelo mais só pra moda evangélica

    Ali encima ele só fala sobre que não devemos como cristão ser modelo pra agradar aos olhos carmas como ....Foto de biquíni ou roupa sensual ele não dia que não podemos tira foto pra roupa decente como moda evangélica vestido de noiva
    Eu entendi oque ele quis dizer
    E é verdade só devemos ter cuidado com nosso coração pra não se corromper

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo plenamente contigo. É preciso termos capacidade de percepção. Observa que A moda nunca foi algum ruim, torna-se ruim quando é conficcionado por cobiça ou outros fins ofensivos.

      Excluir
  6. QUE FORMA DE SE PRONUNCIAR EM LETICIA.

    ResponderExcluir
  7. Primeiramente gostaria de parabenizar o autor desse blog, porter nos ajudado, principalmente nos que ainda somos jovens cristãos na fé. Eu quero deixar a minha opinião, sabemos que ser modelo requer beleza de ambas as partes, e também é uma profissão, veja bem! Se Deus me ajudou me-dando beleza, ou seja a beleza neste caso é a ferramenta para encarar essa profissão, mais prosseguindo o assunto a minha intenção é arrecadar ganhos no final do mês, e eu como modelo não vou tirar fotos sem camisa ou apenas de cueca, vou procurar trabalha diferente, ou seja apenas divulgando calças ou camisas,se fazendo analisar assim não seria pecado até porque Deus conhece as nossas intenções. Bom esse foi um lado da moeda vamos para o outro, se como modelo você apenas quer expôr o seu corpo como ferramenta de atração física ou sexual, você estaria pecando, pois você apenas estava tendo um pensamento egoísta de atrair admiração para você, e pior você estaria induzindo uma pessoa a pecar. Bom esse foi o minha visão escatológica.

    ResponderExcluir
  8. Em 2013 comecei a trabalhar como modelo, participar de concursos de Miss na minha cidade, deixei a profissão depois que tive um filho. Até pensei em voltar, mas quando comecei a me converter, vi que não era lícito eu trabalhar como antes, o mercado da moda é enganador, frustante, coisas que não precisamos, hoje decidi seguir totalmente a Jesus Cristo, (lembrando que sempre fui católica, mas com atitudes que não são corretas), estou me convertendo a cada dia, e conhecendo cada vez mais o amor de Jesus, Ele não merece ficar triste com nossas atitudes e escolhas, Ele sofreu na cruz por amor a nós, há tantos trabalhos honestos para o cristão. Vamos refletir, e pensar, Deus se agrada do coração humilde, arrependido. Ele quer o nosso bem!
    Paz e bem amigos!

    ResponderExcluir
  9. A maior indústria que move a economia desse planeta é a terra. É claro que não vamos abolir a economia por uns quantos escolherem outras profissões, mas o moda levantou um imperio que não poderá ser derrubado com essa simples escolha de 1 entre 7 mil milhões de pessoas. Graças a que a moda tem áreas tão extensas, os que trabalhamos nesse âmbito temos inúmeras escolhas para realizar o nosso desempenho como profissionais como desejarmos, entre eles, modelos de todo tipo (fotográficos, de passarela, moda ''recatada''/cristã, etc). E quem queira trabalhar como modelo tem que cumprir umas regras, porém antes de todo, somos seres humanos e podemos nos negar a fazer trabalhos indecentes, como desfilar nu/a, que parece ser o tema principal dos comentários e que não é a maioria do caso dos desfiles mais conhecidos.
    E com todo respeito, algumas pessoas precisam se adentrar em um backstage e ver que não é esse ''nudismo'' que imagina.
    É bom sim procurar informações alheias, mas eu recomendaria procurar ver pelos meus próprios olhos e eliminar qualquer prejuízo que informações anteriores puderam causar em mim sobre esse mundo, tendo em conta que não em todas partes se trabalha da mesma maneira.

    ResponderExcluir
  10. O nosso corpo é templo e morada do Espírito Santo e não para ser exibido.

    ResponderExcluir
  11. Bom dia! Gostaria da ajuda dos amigos e amigas na seguinte questão. Uma pessoa evangélica pode montar um sexy shop? Ela pode vender os produtos de sexy shop? Ela pode divulgar os produtos deste mercado através de fotografia com o uso de modelos para as fantasias sexuais que sao vendidas por esse mercado? Pois sou evangélico e essa oportunidade me surgiu para ganhar um extra, tenho muitas dúvidas a respeito disso. Pois me faço muitas perguntas sobre essa questão. Como por exemplo ontem estive conversando com minha namorada e espero futura esposa que também é evangélica sobre esse mercado que estamos entrando. E fiz algumas colocações a ela. Por exemplo um cristão pode ter um restaurante ou bar e vender cerveja,cigarro e etc? Pois sendo cristao eu vejo que o álcool não nos é devido possuir. Uma outra questão um cristão pode ser ginecologista, enfermeiro e etc. Pois todas essas profissões tem contato com o corpo do próximo em sua nudez. Essas questões me deixam pensativo. Pois a palavra diz como foi mencionado sabiamente nesse debate,enganoso é o coração. E na palavra TB diz que não há um justo se quer. Todas essas questões rondam a minha mente. Nao posso deixar de expor elas,pois são questões que eu gostaria de entender mais. Pois a forma como vemos as coisas é que nós leva a pecar. Na minha ingênua visão e entendimento,eu analiso que se eu for achar que tudo é proibido a um Cristão,vejo que não poderia um Cristão ser enfermeiro,ginecologista,ter um comércio onde se vende bebidas alcoólicas,participar de aniversário que tenha cerveja, entrar em uma banca de jornal onde é vendido todo tipo de revistas. Nossas esposas nao poderiam comprar uma lingerie mais sexy, não poderíamos frequentar piscinas e praia com nossa família e outras coisas mais. A palavra de Deus sempre vai ser soberana e nela eu me faço muitas perguntas. Pois paulo cita algumas questões em suas cartas que nos faz ver o como somos necessitados dia e noite de misericórdia divina e da grandiosidade da Graça e amor de Cristo. Como por exemplo em alguns textos como esse: Pois o que faço, não o entendo; porque o que quero, isso não pratico; mas o que aborreço, isso faço. E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. Agora, porém, não sou mais eu que faço isto, mas o pecado que habita em mim. Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; com efeito o querer o bem está em mim, mas o efetuá-lo não está. Pois não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse pratico. Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim.” (Rm 7.15-20), "Tudo me é permitido", mas nem tudo convém. "Tudo me é permitido", mas eu não deixarei que nada me domine.(1 Coríntios 6:12) TB encontro na palavra as seguintes colocações: Hebreus 10:23-29, 35-39
    “retenhamos inabalável a confissão da nossa esperança, porque fiel é aquele que fez a promessa; e consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e não abandonando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia. Porque se voluntariamente continuarmos no pecado, depois de termos recebido o pleno conhecimento da verdade, já não resta mais sacrifício pelos pecados, mas uma expectação terrível de juízo, e um ardor de fogo que há de devorar os adversários. Ao continuar buscando na palavra orientação sobre essa nossa batalha com o pecado encontramos também essa colocação nas escrituras:Também guarda o teu servo
    dos pecados intencionais;
    que eles não me dominem!
    Então serei íntegro,
    inocente de grande transgressão.(Salmo 19:13); Após essa reflexão toda aqui colocada,vejo o quão importante é analisar nossas escolhas para a nossa vida pessoal ou profissional. A grande verdade é que buscamos muitas das vezes os conselhos em nós mesmos e nos amigos do que na Palavra de Cristo.

    ResponderExcluir
  12. Pois é fui evangelica dez anos estudei tenho uma profissão, mas nestes dez anos só consigo sobreviver de bicos, minha familia se acbou por mais que eu orase jejuase shorase não tive nem chance. Hoje estou divorciada morando em uma area de invasão com meus tres filhos minha neta esta para nascer, minha mãe não aguenta mais trabalha muitas vezes de segunda a segunda. Esta doente ela também foi evangélica fiel, e agora estamos a merce desamaparadas,em dez anos lutando sofrendo gemendo para andar no caminho certo.
    E não fui abençoada nem com um emprego diguino. Agora tenho a chance de fazer um contrato de modelo que vai salvar minha família da desgraça que estamos, devo perder essa única oportunidade que apareceu em dez anos e drixar minha família acabar na rua? Pedi uma outra porta em oração e nada. Oque faze? Minha intenção é fazer o melhor para minha família e não ser objeto de luxuria dos outros.
    Sou uma mulher que embora me vista modestamente as pessoas me olham com olhar de desejo por que sou bonita. Eu tenho culpa disso também? Será que só vou servir para a igreja quando ficar velha? Ai ninguém mais vai me olhar né. Não serei mais um problema.

    ResponderExcluir
  13. Gostei de ler achei bem explicado, e Concordo plenamente que se minha intenção em ser modelo e ser idolatrada, desejada, cobicada, além de eu mesma estar tropecando ainda estarei sendo pedra de tropeço a outras pessoas que perderão o céu junto comigo. Eu peço e faco pessoas pecarem, assim sendo instrumento do diabo. A verdade aqui neste postagem foi dita, vamos refletir.

    ResponderExcluir
  14. Olá.
    Era modelo antes de me casar .
    Agora aos 49 (perdi muitos quilos estou com um bom visual ) ,procurei um site de modelo por incentivo do meu esposo .A agência me procurou ,fiz umas fotos com roupas não provocantes ,vou fazer curso de desfile .
    Só estou fazendo isso porque estou mais madura ,meus filhos não deixaria ( não gostaria).É um ambiente muito bom em alguns aspectos ,mas tem perigos sexuais e pode influenciar na sua sexualidade.
    Estou feliz pois estou com problemas no casamento (restauração),então é bom para minha autoestima e para o lado financeiro .
    Vou selecionar os serviços para que os meus princípios religioso e familiar não sejam prejudicados.

    ResponderExcluir
  15. os modelos são vistos de forma diferente hoje em dia. a profissão foi criada para MOSTRAR ROUPAS , um manequim por exemplo não pode andar , por isso precisamos dos modelos para as marcas de moda , é sim uma profissão importante para esse ramo e sem eles a moda cairia muito , eles falam sobre nossos corpos pois as modelos fashion precisam ter medidas certas pois assim elas podem desfilar com mais facilidade e de acordo com as marcas de moda , podem mostrar as roupas de um jeito melhor. essas mulheres que vcs veem postando fotos seminuas NÃO são modelos , elas não tem agencia , NUNCA fizeram uma passarela e NÃO farão , vc tbm n precisa tirar fotos sensuais nem desfilar seminua , as modelos que fazem isso ASSINARAM CONTRATO falando que fariam , vcs NN precisam assinar contratos assim , dolce e gabbana , prada , chanel , gucci , guess e etc são marcas respeitadas e nn fazem isso. precisamos de cristãos no mundo da moda , se vc ama isso fala com Deus que ele te dará direção.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Por favor, comente este texto. Suas críticas e sugestões serão úteis para o crescimento e amadurecimendo dos assuntos aqui propostos.

Postagens mais visitadas deste blog

A mulher deve se vestir de modo que nenhum homem venha pecar por sua causa

Muitas mulheres e moças atualmente perderam seu próprio valor e muitas mulheres cristãs não tem se dado conta disso - o que acaba por as levar se vestindo conforme o mundo tem ditado; isto é, a moda. Por que digo isso?  Tenho notado o quanto muitas mulheres e moças têm se iludido ao pensarem que é bonito usarem vestimentas que mostram todas as suas curvas, tais como: roupas justíssimas delineando seu corpo, shorts e saias curtas e blusas decotadas. Mas, se fosse para ser  assim, Deus não teria vestido Adão e Eva como diz na Bíblia: " E o Senhor Deus fez túnicas de peles para Adão e sua mulher, e os vestiu " (Gênesis 3:21). Na palavra também está escrito: " Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos. Mas (como convém a mulheres que fazem profissão de servir a Deus) com boas obras " (1 Timóteo 2:9-10). Noto ainda que muitas mulheres e moças usam roupas indecentes co

É pecado um casal de namorados dormir junto?

É pecado um casal de namorados dormir junto? - por Filipe Luiz C. Machado Recentemente um irmão em Cristo perguntou-me sobre a legitimidade - ou não - para um casal de namorados poder dormir junto. Confesso que esse é um ponto delicado, mas creio que - mais uma vez - as Escrituras nos revelam aquilo que devemos fazer. É importante notarmos, primeiro, sobre que tipo de situação nos rodeia. Uma coisa é um casal de namorados que viaja de avião e cuja aeronave cai no meio da floresta, restando poucos sobreviventes e ainda por cima, estavam na estação do inverno, o que implica dizer que necessariamente todos precisam dormir juntos - para se aquecer, caso contrário, morrerão. Mas é claro que essa é uma situação hipotética e nela seria perfeitamente coerente dormir junto, pois seria um pecado deixar alguém morrer de frio quando podia-se evitá-lo. Porém, mesmo a realidade dos namorados não é esta do avião, é a partir do dia-a-dia que as dúvidas surgem. Muitos namorad

A importância da Renúncia

Texto por Angela E. P. Machado ----- “E, pondo-se Jesus a caminho, correu um homem ao seu encontro e, ajoelhando-se, perguntou-lhe: Bom Mestre, que farei para herdar a vida eterna? Respondeu-lhe Jesus: Por que me chamas bom? Ninguém é bom senão um, que é Deus. Sabes os mandamentos: Não matarás, não adulterarás, não furtarás, não dirás falso testemunho, não defraudarás ninguém, honra a teu pai e tua mãe. Então, ele respondeu: Mestre, tudo isso tenho observado desde a minha juventude. E Jesus, fitando-o, o amou e disse: Só uma coisa te falta: Vai, vende tudo o que tens, dá-o aos pobres e terás um tesouro no céu; então, vem e segue-me. Ele, porém, contrariado com esta palavra, retirou-se triste, porque era dono de muitas propriedades.” Marcos 10.17-22 Neste breve texto, vemos o reflexo daquilo em que os judeus acreditavam. Pensavam eles que as riquezas eram um sinal da aprovação de Deus e que os ricos teriam maiores possibilidades de serem salvos, ou seja, de alcançarem a vida etern