"Eu me confesso ser do número daqueles que, aprendendo, escrevem; e escrevendo aprendem" - Agostinho

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Orai sem cessar. Mas por que?


Orai sem cessar. Mas por que? -
Por Filipe Luiz C. Machado

1Ts 5.17. Esse versículo é conhecido por boa parte dos que se dizem cristãos. Todos nós já ouvimos ou lemos o trecho onde Paulo nos ensina a levarmos uma vida de oração constante. Uma vida que está sempre na alicerçada em na graça de Deus em nossas vidas.


Mas... por que orar sem cessar? Será que devemos orar para então conseguirmos o favor de Deus em nossas vidas? Orar com o intuito de mostrar nossa devoção ao Mestre?


Creio que devemos orar sem cessar por 5 motivos:


1. Porque dependemos dele para viver.


Precisamos estar conscientes de que sem Cristo nada somos e nada podemos fazer. A oração nos leva a termos uma consciência de quão pequenos e incapazes somos por nossas próprias forças. A oração faz com que sejamos humilhados e nos rendamos ao seu poder redentor. Leva-nos a uma relação de total dependência de criatura para com o criador.


2. Porque somos fracos e inúteis.


É necessário que oremos sem cessar, porque a oração nos leva a perceber que somos tão fracos que até mesmo o ato de nos humilhar perante alguém é impossível para nós. Muitos ainda pensam que a depravação do homem não é total. Pensam que por mais pecadores que sejamos, ainda há algo de bom em nós. Porém, aqueles que assim pensam se afastam totalmente do ensino bíblico que mostra nossa incapacidade de fazer qualquer coisa boa sem a graça de Deus.


3. Porque não temos consciência do que somos.


Quando não levamos uma vida de oração, achamos que somos alguém e que somos pessoas muito importantes para o reino de Deus. É verdade o fato de que Deus nos ama e nos incumbiu de um trabalho aqui na Terra, mas jamais devemos pensar que sem nós, Deus não pode fazer sua obra acontecer ou que seu propósito para com a humanidade irá falhar caso não desejemos proceder conforme sua vontade. Deus não depende de nós e também não precisa de nós para que sua vontade seja feita. É só graças ao seu amor que ele nos usa para fazermos sua obra na Terra. A oração constante nos faz conhecedores de que Deus é soberano e que nós nada somos.


4. Porque somos orgulhosos.


Por mais que leiamos a bíblia e por mais que saibamos o quão falhos somos, nós ainda não gostamos de nos submeter a Cristo. O ser humano odeia ser rebaixado e se fazer escravo da vontade de alguém. Não gostamos disso! Queremos depender de Deus, mas ter certa liberdade para escolher aquilo que quisermos, sem a intromissão divina. Muitas vezes vivemos um vida contraditória: afirmamos que somos cristãos, mas não nos submetemos a vontade daquele a qual estamos (ou deveríamos) alicerçados. Ou seja, não somos cristãos, apenas simpatizantes de um homem chamado Jesus.


5. Porque amamos a Deus.


Se não oramos e não buscamos a Deus de fato, não podemos dizer que o amamos de verdade. Seria o mesmo que dizer a nossas esposas e maridos que eles são a coisa mais preciosa que temos, embora poucas vezes passemos tempo ao lado dele ou dela. A verdade é que muitos de nós amam ter o conhecimento sobre Deus, amam saber mais sobre sua vontade e sobre o que a bíblia realmente quer dizer, mas não gostam e/ou não querem colocar em prática. Gostamos de ler dezenas de livros durante o ano, estudarmos em ritmo frenético e acumular o maior número possível de conhecimento em nosso cérebro. Mas certamente não gostamos de nos despojar de nosso eu pecaminoso e botarmos em pratica aquilo que lemos e estudamos. É muito mais fácil acumular sabedoria do que colocá-la em prática.



“A bíblia não nos foi dada para aumentar nosso conhecimento, mas sim para mudar nossas vidas.” D. L. Moody


Deus abençoe!

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Por favor, comente este texto. Suas críticas e sugestões serão úteis para o crescimento e amadurecimendo dos assuntos aqui propostos.

Salvar PDF

Compartilhe

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

pop-up LIKE