"Eu me confesso ser do número daqueles que, aprendendo, escrevem; e escrevendo aprendem" - Agostinho

Se inscreva no meu canal do YouTube!

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Entendendo o amor dos homens pelas mulheres


O amor do homem é diferente.

Os homens também amam, no entanto, seu modo de amar é diferente do da mulher. São afetuosos por natureza, mesmo não sendo tão diretamente ligado às suas emoções, quanto da mulher, o amor do homem ainda é muito real. É com frequência apenas mais prático e menos romântico em suas demonstrações.

Um pai que rola pelo chão com a filhinha fazendo-a rir a valer de suas cócegas, está demonstrando seu amor paternal pela criança. Um marido demonstra seu amor quando faz malabarismos na conta bancária a fim de comprar uma lavadora de roupa para o lar, um par se sapato para o Joãozinho, ou um casaco novo para a esposa. O homem que investe num terreno está planejando para o futuro daqueles a quem ama. Uma mulher pode encarar essas coisas apenas como necessidades, no entanto, elas demonstram o desejo que o homem tem de dar, partilhar e prover. Isso também é amor.

Assim, embora poucos homens possuam a habilidade de encantar uma mulher com expressões sentimentais românticas, são capazes de demonstrar seu amor em linhas calmas e racionais. Por exemplo: um marido traz seu salário regularmente para casa, usando todas as suas entradas para satisfazer as necessidades da família. É bem provável que o fato de levantar-se às 5:30 da manhã, durante cinco ou seis dias da semana, e trabalhar o dia inteiro, não seja muito emocionante para um homem, porém, seu amor pela família é a razão básica para continuar perseverando. Os homens suportam essa rotina a vida inteira e frequentemente não pedem mais que as refeições e um abraço no momento oportuno.

Quando um homem abre a porta do carro para sua esposa, ajuda-a a entrar e sair, e segura-lhe o braço enquanto caminham, revela seu instinto protetor. Quer protege-la do perigo ou qualquer coisa que venha a ameaça-la, o que é outra característica do amor masculino.

Não importa quão rude seja a aparência de um homem, a brandura e o amor ainda estão ocultos sob a superfície. Enquanto eu lecionava numa comunidade rural, uma esposa me contou, certa vez, de como seu marido, um plantador de trigo, arava a terra que rodeava um ninho de passarinho, de maneira a não tocá-lo, para não derrubar os ovinhos. O homem é bondoso, afetuoso, amoroso e sentimental por natureza. Possui modos brandos e é capaz de ser profundamente atencioso, expressando seu amor pela família numa infinidade de maneiras.

Se bem que o amor não seja a razão de viver do homem, ele não tem condições de viver sem ele. O amor é uma força motivadora para o trabalho, levando-os a fazer planos, sacrifícios, investimentos. Leva-o a se expandir e a continuar a luta pela vida. É por amor que ele desiste de sua condição de solteiro, assina na linha pontilhada, aceita inteira responsabilidade financeira pela esposa e por todos os filhos nascidos dessa união, e abandona seu bem mais prezado – a liberdade.

Não há limites para o amor que uma mulher pode receber de um homem, quando esta aprende a abrir a porta de seu coração, pois ela tem condições de prover a atmosfera emocional adequada para que ele expresse livremente seus sentimentos e ouse compartilhar seu amor.

- por Nancy Van Pelt

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Por favor, comente este texto. Suas críticas e sugestões serão úteis para o crescimento e amadurecimendo dos assuntos aqui propostos.

Compartilhe

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

pop-up LIKE

Plugin